Home / ORM News / Crescimento alarmante da incidência de câncer de pele

Crescimento alarmante da incidência de câncer de pele

Grande parte dos jovens e adultos não leva muito a sério as consequências que a exposição ao sol sem proteção acarreta à saúde. Contudo, os dermatologistas alertam que, a cada dia, o câncer de pele atinge um maior número de pessoa, o que pode ser prevenido se as pessoas adotarem medidas simples, como o uso diário do protetor solar.
As novas estatísticas apresentadas pela Medicare (Sistema de Seguro de Saúde, gerido pelo governo dos Estados Unidos) apontam para um aumento do câncer de pele do tipo não melanoma.
As mesmas estatísticas também demonstraram que o tratamento realizado em cânceres de pele do tipo não melanoma praticamente dobrou em menos de 12 anos. Observou-se também a existência da cultura do bronzeamento por questões de vaidade. O fato é que a exposição à luz ultravioleta (UV) (tanto natural quanto artificial) é o principal fator de risco, e evitável, do câncer de pele.
De acordo com os estudos feitos entre os jovens que se bronzeiam, embora os mesmos saibam que a superexposição aos raios ultravioletas pode levar ao câncer de pele, eles ainda continuam a se bronzear.

Aproveite o sol de forma inteligente

• Aplique uma quantidade generosa de um filtro solar de amplo espectro, resistente à água com Fator de Proteção Solar (FPS) não inferior a 30 sobre toda a área de pele exposta. O “amplo espectro” oferece proteção contra os raios ultravioleta A (UVA) e ultravioleta B (UVB). Faça um reforço da aplicação a cada duas horas, mesmo em dias nublados, e após nadar ou transpirar.

• Vista roupas adequadas, como uma camisa de mangas compridas, calças, um chapéu de abas largas e óculos de sol, sempre que possível.

• Procure uma sombra quando possível, sempre tendo em mente que os raios solares são mais fortes entre 10h e 16h. Se a extensão da sua sombra for inferior à sua altura, procure por outra sombra.

• Proteja as crianças da exposição solar, as deixando brincar na sombra, vestindo roupas adequadas e aplicando protetor solar.

• Use proteção extra quando estiver perto de água, neve e areia, uma vez que esses elementos refletem os raios nocivos do sol, pode haver um aumento das chances de queimaduras solares.

• Obtenha vitamina D em segurança através de uma dieta saudável, que poderá incluir suplementos vitamínicos. Evite exposição ao sol.

• Evite usar cama de bronzeamento artificial, pois a radiação ultravioleta emitida por ela pode causar câncer de pele e rugas. Se quiser uma aparência de bronzeado, use um produto de autobronzeamento livre de radiação ultravioleta, mas continue usando o protetor solar juntamente com esse produto.

• Faça o autoexame e, se notar que alguma coisa mudou, cresceu ou que há algum sangramento na pele, procure um dermatologista. O câncer de pele é totalmente tratável quando diagnosticado no início.

Veja Também

Dr. Otávio Macedo fala sobre Depilação a Laser com Depilrobot no Programa Bem Estar do Rede Globo

Depilação a laser robótica pode promover resultado mais rápido com menos dor

A depilação a laser evoluiu: agora essa tecnologia ganhou a ajuda de um robô, que …

One comment

  1. Olá,
    Acho muuuito bom que toquem nesse assunto, pois o cancêr de pele é muito serio e não é tanta atenção quanto deveria.
    Obrigada!